Pages

quinta-feira, 24 de dezembro de 2009

Juninho Pernambucano é o maior cobrador de faltas da história


Em uma tese que promete dar polêmica, o físico inglês Ken Bray afirmou que Juninho Pernambucano, ex-Lyon e atualmente no Al Gharafa-QAT, é o maior cobrador de faltas da história do futebol mundial. Bray lançou recentemente o livro “How to Score: Science and Beautiful Game” ("Como marcar: Ciência e jogo bonito”, em português) no qual elogia as qualidades do ex-vascaíno.

- Juninho, para mim o melhor, alcançou a perfeição com quase 30 anos - escreveu Bray.

Ainda de acordo com o autor, nomes como os de Drogba, Beckham e Cristiano Ronaldo também estão entre os melhores da atualidade. O craque português, no entanto, merece um atenção especial e uma comparação inusitada.

- Cristiano bate faltas de uma maneira especial. A bola quase não pega efeito e quase não dá voltas. A bola, quando é chutada por Cristiano, parece de beisebol. Por isso que se torna tão imprevisível, completamente selvagem, se mantendo em movimento, sem qualquer lógica. Diante dos nossos olhos, alguns goleiros podem parecer estúpidos, mas eles não têm culpa. Se Ronaldo acerta o gol, é muito difícil de defender a bola - disse Bray.

Na última segunda-feira, Juninho fez um gol (não de falta) na vitória de 4 a 0 do Al Gharafa sobre o Al Ahli pela Liga do Qatar. O time do brasileiro é o vice-líder do torneio.

Nota do Moda Center

Toda e qualquer palavra dita neste texto é de responsabilidade da diretoria do Moda Center Santa Cruz
Eu sou José Augusto Maia e em nome da Diretoria do Moda Center venho convidar você condômino, para nesta quarta feira 30 de dezembro, às 05h da tarde no Moda Center, participar da última Assembléia Geral do ano, que tem como objetivo prestar contas do ano financeiro, detalhando tudo que foi recebido, em que foi gasto e como se encontram nossas Finanças.

Podemos adiantar que após a campanha Publicitária que promovemos em Estados do nordeste pela televisão, vivemos o ano mais positivo da história de nossa economia.

Dobramos número de ônibus, vãs e caravanas, que atraídos pela propaganda que fizemos, trouxeram milhares de novas sacoleiras e compradores de todos os recantos, batendo todos os recordes de vendas até hoje, em nosso Parque.

Estamos lhe convidando neste dia 30, para saber se você quer que continuemos com a propaganda. Se quiser, quais os novos estados que devemos investir para conquistarmos mais clientes e aumentar ainda mais as nossas vendas.

Após a construção do Moda Center, a nossa cidade deu um salto para o desenvolvimento. Deixamos de ser coadjuvante, para ser ator principal entre os maiores centros industriais de confecções de todo pais.

O Moda Center se transformou no coração financeiro de nossa terra e nossa região. Por isso, se o Moda Center vai bem, todos nós vamos bem. Se o Moda Center vai mal, todos nós vamos mal.

Será que quem criou e mais lutou para o Parque acontecer... Será que, quem vem se dedicando de corpo alma para que ele cresça ainda mais, merece ser tratado de forma tão maldosa, caluniosa e cruel, por esses que fizeram de tudo para que o Parque não acontecesse?

Pelo amor de Deus gente, esse movimento que anda pelas ruas, é pura politicagem, liderado por meia dúzia de despeitados com o sucesso do Moda Center. Gente que não conhece a realidade do Parque e nunca fez questão de mover um dedo para colaborar.

Meu recado para essa gente, é que se nada de bom podem fazer pelo nosso Parque, pelos menos não venham atrasar os que tanto lutam pelo seu desenvolvimento.

Lembre-se que é final de ano, é Natal. Que este momento seja para lembrar do Menino Jesus, é tempo de compartilhar, de dar as mãos e se confraternizar, não de caluniar, insultar, de jogar as pessoas contra, os que como eu, mais têm lutado pelo nosso Parque e pela nossa terra.

Portanto, neste dia 30 de dezembro, às 05h da tarde no setor azul do Moda Center, participe da Assembléia Geral de Condôminos e mostre que ama nossa terra e nosso Parque.

Vá lá, diga não aos que atrapalham e sim para a continuação da propaganda.

José Augusto Maia, em nome de toda a Diretoria

Porto se prepara para surpreender no Pernambucano

Faça chuva ou faça sol, o Gavião do Agreste treina firme para o campeonato que começa no próximo dia 13 de janeiro

Campeonato Pernambucano começa no dia 13 de janeiro. Será que dessa vez um clube do Interior levará a taça? Eles andaram aprontando nos últimos anos. O Central foi vice em 2007. O Porto também ficou em segundo em 1997 e 98. Em 2010, o Gavião que promete voos ainda mais altos.

Faça chuva ou faça sol, a equipe vem treinando firme para o campeonato. Se a água está desabando lá fora, o jeito é realizar treino físico dentro da academia do clube. “Tem que estar preparada para todas as situações para quando os jogos começarem estarmos prontos”, falou o técnico do Porto, Luciano Ribeiro.

Quem quer estar preparado é o zagueiro Gonçalves, que no ano passado atuou pelo Santa Cruz na Copa Pernambuco. Como não foi procurado pelo tricolor, o atleta retornou a Caruaru. “Não tem mágoa. Vou continuar treinando para ajudar o Porto no próximo ano”, disse.

E todo mundo quer ajudar. Para isso, eles têm aprendido direitinho a teoria repassada pelo técnico. A regra de que o vale é competir já é águas passadas no Porto, que quer entrar em pé de igualdade em campo com todas as equipes.

Novo piloto da Mercedes na F-1, Schumacher diz que pescoço está 100%


O piloto alemão Michael Schumacher, que teve seu retorno à F-1 confirmado nesta quarta-feira, afirmou que está totalmente recuperado dos problemas no pescoço que o impediram de substituir Felipe Massa na Ferrari neste ano.

Em 2009, o heptacampeão esteve prestes a voltar à F-1 pela Ferrari e chegou a ser anunciado como substituto de Felipe Massa, que sofreu um acidente no GP da Hungria. Mas desistiu do retorno após sentir dores no pescoço durante os testes.

"Eu me certifiquei 100% de que não há mais problemas com o pescoço. Tive tempo suficiente para curá-lo totalmente", falou Schumacher.

Além disso, o alemão também disse que seu retorno não é um fato isolado, mas que busca continuidade na Mercedes GP, equipe em que correrá em 2010.

"Estamos falando em um contrato de três anos. Não é uma coisa isolada. Estamos buscando alguma continuidade", acrescentou.

O piloto, que completará 41 anos em 3 de janeiro, deve receber um salário de 7 milhões de euros na temporada de 2010, que começa no dia 14 de março com o GP do Bahrein.

Sete vezes campeão do mundo na F-1, ele disputou sua última prova na categoria no GP Brasil, no circuito de Interlagos, em 2006.

Depois de decidir se aposentar, Schumacher trabalhou como consultor da Ferrari, sua antiga equipe na F-1.

quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

Ascont: Solidariedade marca Dia Feliz


O forte calor não foi barreira para a realização da oitava edição do Projeto Dia Feliz, que foi concretizado no último final de semana, dia 19, pela Associação Santacruzense de Contabilistas (ASCONT).

A proposta do evento é a promoção da solidariedade, além de proporcionar um dia especial para centenas de crianças carentes de diversas localidades de Santa Cruz do Capibaribe, com a distribuição de 1,5 mil brinquedos, mais de 2 mil picolés, bem como pipocas, balas, chicletes e outras guloseimas. A animação ficou por conta do Papai Noel e o palhaço Cachorrinha que distribuíram sorrisos e realizaram brincadeiras.

A caravana solidária se concentrou em frente à sede da entidade e, após um café da manhã reforçado, seguiu pelas ruas da cidade em direção ao bairro Acauã. Ao chegar ao local, uma fila espontaneamente organizada pelas crianças foi formada. Os pequenos aguardaram ansiosamente por aquele que, para muitos, seria o seu único presente recebido neste ano.

Os pais estiveram ao lado dos filhos durante a entrega dos presentes. A dona de casa Maria da Paz, de 25 anos, que mora na Acauã há 2, levou seus filhos gêmeos Danilo e Daniel para receber das mãos do Papai Noel o tão sonhado presente. “É muito emocionante saber que eles vão ganhar presentes, já que a condição é difícil pra comprar”, desabafa emocionada a dona de casa.

Já para a aposentada Josefa do Carmo, 60, que reside na localidade há 12 anos, a chegada dos presentes veio numa hora oportuna. “Meu neto Vagner, de 7 anos, não ia receber presente, mas agora ele vai brincar e muito com o que recebeu aqui”, relata.

Para a presidente da ASCONT, Rosangela Leão, “é uma satisfação à realização de mais uma edição deste trabalho social que mobiliza toda classe contábil em torno de um propósito nobre”.
De acordo com o presidente recém eleito da entidade para o biênio 2010-2011, Luciano Bezerra, o Dia Feliz será ampliado no próximo ano, visto que será reforçado o trabalho em conjunto com a iniciativa privada e demais entidades representativas de Santa Cruz do Capibaribe.
G2

Mensagem do Presidente do YPIRANGA

"O momento é de celebração e de reflexão sobre o nascimento do Menino Jesus. Aproveito para desejar a todos um Natal de paz e confiança em dias melhores para todos nós. Que 2010 traga além das vitórias e dos sucessos, muita paz entre os homens e mais amor no coração da humanidade. Estaremos juntos no propósito de engrandecer Santa Cruz do Capibaribe através do nosso clube. Que Deus nos proteja hoje e sempre".

Edmilson Morais-Presidente do clube

Boas festas e um feliz 2010!!

Nós que fazemos o blog do Melk, desejamos a todos vocês que sempre estão nos visitando, que este natal as bênçãos de Deus caiam sobre suas famílias e que em 2010, vocês possam realizar cada sonho e que tenham muitos motivos pra agradecer!

Contamos com todos novamente em 2010 para continuar-mos a fazer deste blog, um lugar de descontração e informação.

Um abraço caloroso até janeiro de 2010!

Melk Leão.

Recursos para Copa são retirados do orçamento

A aprovação do Orçamento Geral da União para o ano que vem na noite de ontem só foi possível após uma ampla negociação envolvendo aliados do governo e da oposição. Os governistas tiveram que ceder para ver a peça orçamentária aprovada poucos minutos antes de o Congresso Nacional entrar em recesso parlamentar. A oposição exigiu que o relator do orçamento, deputado Geraldo Magela (PT-DF), desistisse de todas as emendas de investimento que havia apresentado.


Da tribuna do Congresso, Magela afirmou que abriria mão de suas emendas para ver o orçamento aprovado ainda este ano. “Foi uma grande vitória do governo que conseguiu aprovar o orçamento, que precisava aprovar. Imaginem se o orçamento não fosse aprovado, não teríamos recursos para aumentar o salário mínimo para R$ 510, não teríamos recursos para pagar os aposentados, não teríamos recursos para atender a saúde e agricultura e seria um prejuízo para o país”.

Segundo Magela, as emendas que ele havia apresentado à proposta orçamentária eram destinadas, sobretudo, às obras e ações para a realização da Copa do Mundo de 2014. “Alguns locais que estavam fazendo obras de acesso a estádios, obras de infraestrutura turística agora não vão mais receber esses recursos”, disse. Ele informou que as emendas somavam cerca de R$ 1,2 bilhão.

De acordo com ele, o dinheiro que seria destinado a obras da Copa será dividido entre todos os estados, através das emendas de bancadas que, em sua maioria, não se destinam a obras voltadas ao evento esportivo. “Mas isso não será um prejuízo porque os estados vão receber mais recursos das emendas de bancadas”, garantiu. As informações são da Agência Brasil.

João Paulo e Eduardo: almoço da conciliação hoje no Palácio

Um mês após deixar o cargo de secretário de Articulação Regional, o ex-prefeito João Paulo (PT) conversará sobre o assunto com o governador Eduardo Campos (PSB). Os dois marcaram para almoçar hoje, por volta do meio-dia, no Palácio do Campo das Princesas, a fim de “acertar os ponteiros”. Os dois já se encontraram em ocasiões recentes, inclusive no almoço oferecido pelo socialista, em sua residência, no último sábado, mas essa será a primeira oportunidade para aparar as arestas.

João Paulo nega que a pauta será política, mas uma fonte ligada ao Palácio disse que os dois irão “tratar de política para selar a paz”. “Ele me convidou para um almoço, mas não tem nenhuma pauta, não. Nenhuma agenda definida. Nada de política”, desconversou o petista. O encontro foi acertado na última segunda-feira, à noite.
 
 (Informações da Folha de Pernambuco - Marileide Alves)

Vitória quer reviver bons tempos

Do Jornal do Commercio


No início dos anos 90, a Desportiva Vitória surgiu com muita força no Campeonato Pernambucano. O Tricolor das Tabocas


foi terceiro colocado em 1991 – chegou a bater o Sport, que seria o campeão do certame daquele ano, por 3x0, pela 2ª fase do 1º turno. Com jogadores como Fernando, Arlan, Nem e Luís Carlos, a equipe acabou, na época, roubando do Central o rótulo de quarta força do Estado. Mas o tempo passou e os bons resultados foram dando lugar a dívidas trabalhistas. O clube fechou as portas e só voltou em 2008, já com o nome de Acadêmica Vitória. Foi campeão da Série A2, conquistando o acesso para a Primeira Divisão. Mas a reestreia na elite foi penosa, com o clube só livrando-se do rebaixamento nas últimas rodadas.

Para 2010, ao mesmo tempo em que sonha em voltar aos seus melhores dias, o Vitória tenta tornar-se mais sólido. O clube quer seguir os passos de Corinthians-AL, Porto e Vitória-BA, nordestinos com tradição nas categorias de base. Para isso, está adquirindo e montando um Centro de Treinamento de 16 hectares, em Vitória de Santo Antão. “Já estamos fazendo a limpeza da área. A ideia é construir três ou quatro campos, alojamento e toda a estrutura para a formação de atletas. O Nordeste é muito farto em talentos e os clubes da região precisam aproveitá-los”, disse Paulo Mayeda, gerente de futebol do time profissional e das categorias de base do Vitória.

Mayeda está no time das Tabocas há um ano. Ele foi contratado pelo presidente do clube, Paulo Roberto (responsável pela montagem do time que fez sucesso nos anos 90) sobretudo para desenvolver esse trabalho com a garotada. Mayeda foi funcionário do Santos entre 2000 e 2002, época onde foram revelados muitos jovens na Vila Belmiro, como Robinho, Diego e Elano, dentre outros. “Eles renderam R$ 150 milhões ao Santos”, destacou.

PRESENTE
Mas não é só o futuro que está no cronograma do time. Fazer uma boa campanha no Pernambucano é uma das metas da equipe, treinada pelo ex-jogador Júnior Caruaru, agora chamado de Júnior Almeida. O atacante Aleandro, um dos destaques do último Estadual ao marcar nove gols pelo Vitória, jogando apenas o segundo turno, é a aposta de gols. Aleandro volta após não ter sido aproveitado na Série D pelo Santa Cruz.

O clube ainda se reforçou com o experiente meia Clóvis, que já vestiu a camisa do Atlético-PR, Cerro Porteño (Paraguai) e Peñarol (Uruguai), o atacante Bruno Garcia, que começou a carreira no Palmeiras e o goleiro Rodrigo, ex-Santo André.

Eduardo lava a burra

A pesquisa Datafolha, publicada ontem na Folha de São Paulo, foi o melhor presente de Natal recebido pelo governador Eduardo Campos (PSB). Além de aparecer como o governador-candidato à reeleição com o maior percentual de intenção de votos entre os sete pesquisados pelo instituto no País – 54% - o socialista venceria Jarbas (PMDB), se as eleições fossem hoje, por uma diferença de 1,4 milhão de votos, 200 mil a mais em relação à derrota imposta por Jarbas em Arraes nas eleições de 1998.


O senador peemedebista aparece com 28% e João Paulo (PT), num outro cenário sem Jarbas, desponta com 8%. Quando Jarbas sai da disputa, tendo como adversário o deputado Roberto Magalhães, que aparece com 10%, Eduardo chega a 64%. Nenhum dos governadores pesquisados, seja em São Paulo, Minas, Bahia, Ceará, Rio ou Distrito Federal consegue tamanha performance.

Destes, quem mais se aproxima do governador pernambucano é o tucano Geraldo Alckmin, em São Paulo, com 50%. Eduardo larga em busca de mais um mandato num cenário dos mais favoritos, que construiu, sem dúvida, em cima de muito trabalho e, sabiamente, casando a sua imagem com a do presidente Lula, que hoje é um semideus no Estado, quase uma unanimidade.

Consórcio para reformar a Fonte Nova é aprovado

Estádio está fechado desde 2007, quando parte da arquibancada cedeu deixando sete mortos


O Governo da Bahia contratará o consórcio formado pelas construtoras Odebrecht e OAS para o projeto de demolição, reconstrução e gestão da operação e manutenção do Estádio da Fonte Nova. O anúncio do vencedor da licitação foi antecipado por conta da participação de um único concorrente.

"A participação de apenas um concorrente agilizou os trabalhos, pois, além da análise de um volume menor de documentação, os prazos recursais puderam ser eliminados, já que não havia concorrentes", explicou a presidente da Comissão de Licitação, Rosany Mendes, após o anúncio no Diário Oficial.

O processo de contratações começará em janeiro, segundo Nilton Vasconcelos, secretário do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte. Conforme o cronograma, até 28 de fevereiro começará a demolição. A reconstrução da arena tem início em junho, e a conclusão da obra será em 31 de dezembro.

A nova Fonte Nova terá capacidade para 50 mil espectadores, 50 camarotes, ampla área para imprensa, com capacidade para 2.440 assentos, museu do futebol, estacionamento interno com cerca de duas mil vagas e moderna cobertura. Todo o equipamento do estádio será construído em dez níveis.

Em Pernambuco é esperado ainda para este mês a publicação do edital de licitação para a construção da Arena Capibaribe, em São Lourenço da Mata, projeto do Estado para a Copa do Mundo do Brasil em 2014.

Com informações da Gazeta Esportiva

Mais um fenômeno da web: MySpace do Restart

Na estrada desde 2008, o Restart é formando por Pe Lu (voz e guitarra), Koba (voz e guitarra), Pe Lanza (voz e baixo) e Thominhas (bateria)

Ao lado de grupos como Cine e Fresno, o Restart é mais um fenômeno da internet. Em 2009, o MySpace do quarteto teve mais de 2 milhões de acessos e ficou com o segundo lugar na lista de bandas/artistas mais acessados na rede social.

O grupo só perdeu para seu “concorrente”, a turma do Cine.

Para quem acompanha o cenário musical brasileiro é impossível não comparar o Restart ao Cine. Ambas as bandas apostam num visual colorido, têm influências dos anos 80, são da cidade de São Paulo e compõem suas próprias canções, entre outras semelhanças. A partir disso, há rivalidade entre os grupos? Não, de acordo com o vocalista e guitarrista Pe Lu, do Restart.
- O Cine é demais. A banda é mais antiga e vem das mesmas casas de show que a gente se apresentava, como o Hangar 110. 2009 foi o ano deles e isso é bom para outros conjuntos porque abre portas para todo mundo.

Até o final de primeira semana de janeiro, o Restart começará a vender seu primeiro disco por R$ 20 em seu site oficial.

O CD, Restart, foi lançado no final de novembro e, por enquanto, só pode ser encontrado nos shows de Pe Lu, Koba (voz e guitarra), Pe Lanza (voz e baixo) e Thominhas (bateria). Antes, a banda já havia disponibilizado as dez faixas do álbum no MySpace.

Enquanto isso, a primeira música de trabalho, Recomeçar, já está tocando nas rádios de todo o Brasil.

Influenciados por jazz, samba, MPB, Bossa Nova, rock e música instrumental resolveram criar seu próprio som, o Happy Rock [rock feliz]. Ao R7, Pe Lu explicou que essa foi uma forma da banda diferenciar a sua música.

- Muitos conjuntos surgiram no eco do NX Zero e Fresno. Somos diferentes. Nossas canções não são tristes, nossa pegada é para cima.

Apesar de tocarem há cerca de seis anos, os jovens (eles têm entre 17 e 18 anos e moram com os pais!), só começaram a levar a carreira musical a sério em 2008.

No início, o quarteto divulgava seu trabalho “no braço”, ou seja, entrava em comunidades do Orkut e pedia para que as pessoas ouvissem as canções da banda na rede.

Antes de terminarmos essa matéria, vamos à pergunta que não quer calar: por que eles se chamam Restart (recomeçar, em português)? Segundo Pe Lu, o quarteto adotou esse nome, despretensiosamente, durante uma partida no PlayStation.

terça-feira, 22 de dezembro de 2009

Confira algumas dicas para pagar menos Imposto de Renda em 2010

Contribuições à previdência privada têm que ser feitas até 31 de dezembro; doações e antecipação de despesas também podem ajudar
Fonte: G1

É final do ano e o brasileiro ainda está pensando em Natal, Ano Novo e férias, mas quem quiser pagar menos Imposto de Renda ou receber uma restituição maior em 2010 tem que se preparar agora.

Gastos que podem ser deduzidos do IR, como aplicações em previdência privada e doações, têm que ser feitos até 31 de dezembro de 2009 para poderem ser aproveitados já na declaração entregue até o final de abril de 2010.

Mas Gerson Stocco Siqueira, professor da FGV (Fundação Getúlio Vargas) do Rio de Janeiro, alerta que "para a pessoa física, não tem muitas manobras" para pagar menos IR. "Tudo tem limite ou proibição", diz o especialista.

Vale lembrar ainda que a Receita já anunciou que no ano que vem, vai apertar o cerco aos contribuintes. Quem declarar deduções, cair na malha fina e depois não conseguir comprová-las vai pagar multa de 75%. Portanto, fique atento: guarde todos os comprovantes relacionados à declaração do IR.

Previdência privada
A previdência privada é uma das opções para pagar menos IR. Os especialistas lembram que apenas os planos do tipo PGBL podem ser deduzidos do IR, até o limite de 12% da renda. Também só valem para o IR de 2010 as contribuições feitas até 31/12.
Quem tem o plano do tipo VGBL não pode deduzir as contribuições do IR; em compensação, paga imposto apenas sobre os rendimentos.

O PGBL também só é vantagem para quem declara pelo modelo completo do IR, já que no simplificado é usada a dedução-padrão de 20%. Os especialistas lembram que a declaração simplificada tem suas vantagens, já que não é preciso comprovar os gastos e portanto a chance de ficar na malha fina é bem menor.

Rogério Ramos, consultor do IOB, alerta que o plano de previdência privada tem que estar no nome de quem faz a declaração. "Se estiver no nome de outra pessoa, a declaração tem que ser em conjunto, mas a pessoa tem que ter sua própria renda", diz ele.

Ou seja: quem faz o plano em nome de um filho, por exemplo, tem que fazer a declaração em conjunto com ele e o filho tem que ter sua própria renda. O limite de 12% vai ser da renda do filho, nesse caso.

Doações
Alguns tipos de doações podem ser deduzidos do IR, como as feitas a projetos de incentivo à cultura e a fundos municipais, estaduais ou nacional da criança e do adolescente.

Ramos, do IOB, diz que, para poder se beneficiar da dedução, é preciso fazer a doação diretamente ao fundo ou instituição responsável pelo projeto cultural. Portanto, se estiver na dúvida, informe-se com a instituição sobre a possibilidade de deduzir a doação do IR antes de fazê-la.

De acordo com Siqueira, muitas pessoas fazem doações a familiares, por exemplo quando os pais ajudam um filho adulto a comprar um imóvel. "Como a pessoa que comprou o imóvel não tem renda compatível com a compra, o melhor é declarar no IR uma doação dos pais ao filho. Essa doação não pode ser deduzida, mas também não é pago IR sobre o valor", explica o especialista.

Despesas médicas e de educação
Segundo os especialistas, se for possível adiantar alguma despesa médica (fazer um tratamento que já se sabe que será necessário até o final do ano, por exemplo) ou educacional (pagar matrícula antecipadamente, por exemplo), pode ser vantajoso, já que o benefício vem já no próximo IR e não só no de 2011.

No entanto, Siqueira alerta que no caso das despesas com educação, que são limitadas, só há vantagem se os gastos desse tipo no ano ainda não tiverem ultrapassado o limite. Em 2008, o limite era de R$ 2.592,29 por pessoa por ano. Para os gastos médicos, não há limite.

Secretaria da Fazenda anuncia redução recorde de IPVA

O valor do IPVA para motos e carros usados sofrerá redução média de 12,14% em 2010; motivo da queda é a diminuição do IPI


A Secretaria da Fazenda anunciou hoje uma redução de 12,14% nos valores do Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) para o ano que vem. Esta é a maior redução de IPVA de todos os tempos.

Com a queda do Imposto Sobre Produtos Industrializados (IPI), o valor dos carros caiu e refletiu no cálculo do IPVA.O desconto, entretanto, não vai fazer com que a arrecadação deixe de crescer, ela apenas sofrerá uma desaceleração. O crescimento previsto é de 6,5%, num total de R$ 410 milhões.

Em 2009, a arrecadação atingiu R$ 385 milhões. Somente em Pernambuco, 1,3 milhões de proprietários de veículos pagam o imposto e o número de carros cresce em média de 12 mil por mês.

É importante lembrar que o calendário para pagamento não muda. As parcelas serão pagas em março, abril e maio. Quem preferir a cota única terá 5% de desconto.

Se a arrecadação não crescer, como espera a Secretaria, pior para os devedores. Para reduzir as perdas, a cobrança vai ser mais intensa. O calote atinge os R$ 200 milhões.

Candidato de Aécio na lanterna

Coluna de hoje na Folha
Está explicada a pressa do governador mineiro Aécio Neves (PSDB) em jogar a toalha no processo presidencial: seu candidato a governador, o atual vice Antônio Anastásia, aparece em terceiro lugar na pesquisa Datafolha com apenas 10% das intenções de voto.

Ali, quem lidera é o ministro das Comunicações, Hélio Costa, do PMDB, com 31%, seguido pelo ex-prefeito de BH, Fernando Pimentel, do PT, com 19%. Na semana passada, um dia antes de oficializar sua saída da corrida ao Planalto, Aécio confessou ao presidente do PSDB, Sérgio Guerra, que precisava cuidar da sua vida e de Minas.

Era uma referência, claro, as dificuldades que terá pela frente para eleger o seu sucessor. Diferentemente de Aécio, Serra tem amplas chances de eleger seu candidato em São Paulo, Geraldo Alckmin, que aparece já vencendo no primeiro turno, com 50% contra 14% de Ciro Gomes (PSB).

Alckmin já foi governador e tem uma boa imagem, diferente do vice de Aécio, que embora seja um dos governantes mais populares do País, tem tudo para comer o pão que o diabo amassou pela opção de apresentar um nome sem tradição na política mineira, na verdade um ilustre desconhecido.

Aécio não blefou quando anunciou que é candidato ao Senado. Ele quer puxar o governador na sua chapa, invertendo a história, porque quem puxa senador é governador bombado.

Quem será o vice de Dilma?

Carlos Chagas


Caso o PMDB persista na tendência de apoiar Dilma Rousseff, quem o partido indicará para companheiro de chapa da candidata? Michel Temer acaba de ser arcabuzado pelo presidente Lula com a tal lista tríplice que ele espera receber de seus dirigentes. Henrique Meirelles? Edison Lobão? Sérgio Cabral ou Nelson Jobim? Quem sabe Roberto Requião?

E o vice de José Serra, na hipótese de Aécio Neves continuar intransigente? Inventaram a senadora Katia Abreu, como falaram em Jarbas Vasconcelos, mas o vazio será grande, sem o governador de Minas.

Datafolha: Eduardo derrota Jarbas no primeiro turno com folga

O governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), seria reeleito hoje em primeiro turno, mesmo na hipótese de um confronto direto com o ex-governador e senador Jarbas Vasconcelos (PMDB-PE), tido como seu maior adversário. É o que revela pesquisa Datafolha realizada no Estado entre os dias 14 e 17 deste mês. Num confronto com Jarbas sem candidatos do PT, Campos venceria com 54% dos votos, contra 29% do peemedebista. Sérgio Xavier (PV) e Katia Telles (PSTU) teriam 1%.

Quando o secretário estadual de Cidades e ex-ministro da Saúde Humberto Costa (PT) entra na disputa, pouca coisa se altera. Campos venceria com 54%, contra 28% de Jarbas e 5% do petista.

Nos outros dois cenários, sem a presença de Jarbas, a diferença a favor de Eduardo Campos é ainda maior. A oposição teria dificuldades em encontrar um nome com o prestígio eleitoral do senador.Derrotado em duas eleições em quatro anos, o ex-governador José Mendonça Filho (DEM), que poderia ter esse papel, descarta nova candidatura.

Numa disputa contra o deputado federal Roberto Magalhães (DEM) e o ex-prefeito de Recife João Paulo (PT), Campos venceria com 64%. Magalhães teria 10% e João Paulo, 8%.Quando o opositor é o deputado federal Bruno Araúj(PSDB), o governador chega a 68%. Humberto Costa aparece com 8% e o tucano, com 2%.(Informações da Folha de S.Paulo)

Santa Cruz pode fechar amistoso contra o Corinthians

O técnico Lori Sandri, do Santa Cruz, já afirmou que pretende realizar de dois a três amistosos antes do Campeonato Pernambucano. O tricolor estreia dia 13 de janeiro, contra o Sete de Setembro. E nos bastidores do Arruda corre a notícia de que um desses amistosos pode ser contra o Corinthians, que em 2010 vai comemorar o seu centenário.


Para esta tarde é esperado um pronunciamento oficial do presidente tricolor Fernando Bezerra Coelho.

Será que a torcida tricolor vai ver o Fenômeno em campo?

Entrevista de Mercadante irrita Eduardo

De Ilimar Franco, O GLOBO
O governador Eduardo Campos (PE) dava pulos ontem com entrevista do senador Aloizio Mercadante (PT-SP) a uma rádio local. O petista disse que Campos terá uma reeleição difícil e que, para isso, depende do presidente Lula.

Segundo Mercadante, o governador precisa apoiar Dilma Rousseff e sepultar a candidatura de Ciro Gomes (PSB) à Presidência da República. Campos ligou para Gilberto Carvalho, chefe de gabinete de Lula, para tirar satisfação.

Sobre uma candidatura de Ciro ao governo paulista, Mercadante disse que ele 'pegou o pau de arara na direção errada'. Ciro nasceu em São Paulo e se mudou para o Ceará.

Para Lula, "Serra não seria um bom treinador "

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou nesta terça-feira que o governador de São Paulo e presidenciável tucano, José Serra, não seria um bom treinador de futebol, informou a Folha Online.

"Não, eu acho que não seria mesmo, porque o time não é montado assim. Às vezes, você tem um cara extraordinariamente bom de bola, mas na hora de você escalar, você escala um cara que, taticamente, vai cumprir uma função melhor para o time. Ou seja, não basta o cara ser bom de bola. O cara tem que ser bom de bola, mas o cara tem que, primeiro, saber trabalhar em equipe, saber que jogo não se ganha sozinho e saber que os 11 em campo, cada um tem uma tarefa e cada um tem que participar da vitória. Se você pega uma pessoa e acha que sozinha vai resolver, não resolve. Então, o que nós precisamos é ter cada macaco no seu galho", disse ele durante entrevista concedida à rádio "O Dia FM".

Ontem, Lula disse que uma chapa puro sangue no PSDB, reunindo Serra e o governador Aécio Neves (MG), pode ser prejudicial para o desempenho da oposição. Hoje, o presidente voltou a comentar o assunto.

"Eu fico olhando como é que é montado um time de futebol. Um time de futebol, você tem que ter o lateral direito, o lateral esquerdo, você tem que ter o central, você tem que ter os meia-armadores, você tem que ter o centroavante, ou seja, você não pode colocar um time... Muitas vezes, você vê um técnico substituir no final, no desespero, colocar três atacantes. Não dá certo, eles trombam entre eles, porque todos eles querem ocupar o mesmo espaço."

domingo, 20 de dezembro de 2009

Marido de atriz Brittany Murphy não quer autópsia, diz site

da Folha Online
Simon Monjack, o marido da atriz Brittany Murphy, 32, que morreu na manhã deste domingo (20), vítima de um ataque cardíaco fulminante, não quer que seja feita autópsia no corpo da mulher. A informação é do site TMZ, que cita fontes do hospital Cedars-Sinai.

Segundo o site, apesar da oposição de Monjack, a polícia de Los Angeles fará a autópsia.

Brittany Murphy em première de filme em agosto de 2004

Às 8h deste domingo, o marido da atriz fez uma chamada ao 911 de uma residência em Los Angeles. Paramédicos tentaram ressuscitá-la, sem sucesso.

De acordo com o site, a mãe da atriz --que a encontrou inconsciente no chuveiro-- disse aos paramédicos que a filha tinha um histórico de diabetes.

O site informa ainda que não pode confirmar de imediato se Murphy sofria da doença, e se isso pode ter contribuído para sua morte.
Murphy participou de filmes como "Garota, Interrompida", "Sin City - A Cidade do Pecado" e "8 Mile - Rua das Ilusões". Ela também está em "Os Mercenários", filme de Sylvester Stallone parcialmente gravado no Brasil, que deve estrear em 2010.

Cúpula vai trabalhar para 'reorganizar' PSDB, diz tucano

Da Agência Estado

Com a desistência da pré-candidatura do governador de Minas Gerais, Aécio Neves, à Presidência da República, a cúpula do PSDB trabalhará durante as últimas semanas do ano para "reorganizar o partido", informou o secretário-geral da legenda, deputado Rodrigo de Castro (MG). O parlamentar e o presidente do PSDB, senador Sérgio Guerra (PE), irão montar nos próximos dias um calendário de viagens que farão juntos, de janeiro a março.

Apesar da agenda complicada do governador de São Paulo, José Serra, a ideia é levar o pré-candidato a todas essas viagens, para expor a imagem do tucano. Como Aécio Neves ocupou, nos últimos meses, a função de articulador nos Estados do Norte e do Nordeste, onde o presidente Luiz Inácio Lula da Silva tem mais força, os tucanos avaliam que será indispensável a presença de Serra nesses locais. "É claro que vai crescer a exposição do nome José Serra porque ele é o nome que o partido apresenta, diferente de antes, quando tínhamos duas opções", resume Sérgio Guerra.

Em contrapartida, para afagar o governador mineiro, o PSDB realizará uma reunião da Executiva em Belo Horizonte e, assim, pretende deslocar as lideranças do partido até o ninho de Aécio. Segundo interlocutores da legenda, o propósito é mostrar que, mesmo sem o governador como postulante à Presidência, os mineiros são importantes para o projeto do PSDB.

Nos meses em que ficará enclausurado em Minas Gerais, Aécio deve trabalhar para fazer do vice Antonio Anastasia seu sucessor no governo estadual. Só voltará a se mobilizar nacionalmente em prol da legenda quando o candidato à Presidência for anunciado formalmente, o que deve ocorrer apenas em março. No Estado, Aécio também deve pavimentar sua vaga ao Senado. Segundo um aliado do governador, ele sequer aceita discutir entre amigos a hipótese de ser vice numa chapa puro-sangue com José Serra. "Este assunto só está em discussão na imprensa. Vice é um assunto para o segundo capítulo", diz Guerra.

Viagens
Nas viagens que ainda serão programadas, os tucanos tentarão resolver os problemas regionais. No Ceará, segundo um parlamentar do partido, o senador Tasso Jereissati resiste em ser o candidato ao governo. O PSDB também está sem palanque no Rio de Janeiro, uma vez que Fernando Gabeira, do PV, trabalhará pela campanha de Marina Silva à sucessão de Lula. Sem um postulante natural, Gabeira era a alternativa tucana no Estado.

Sem o apoio do PV, os tucanos trabalham com duas alternativas, de acordo com o deputado Rodrigo de Castro. Uma seria lançar o ex-prefeito César Maia, do DEM, ao governo estadual. Outra possibilidade seria "construir um candidato" a partir de um deputado federal de expressão. Os nomes em discussão são os da deputada Andreia Zito, e dos deputados Otávio Leite e Marcelo Itagiba, que recentemente saiu do PMDB e ingressou no PSDB.

Nos demais Estados, como no Paraná, onde o PSDB tem dois pré-candidatos - o senador Alvaro Dias e o prefeito de Curitiba, Beto Richa - Rodrigo de Castro disse esperar que a solução se dê por acordo entre os dois postulantes. "O diálogo entre eles está cada vez maior e já foi avisado ao partido que os dois chegarão a um consenso. O partido está tranquilo quanto a isso."

A primeira parada da caravana tucana mais perto de ter uma data definida é Teresina, no Piauí. Lá, o partido realizará um seminário sobre infraestrutura. O encontro deveria ter ocorrido no último dia 11, mas foi desmarcado porque José Serra viajou a Copenhague e Sérgio Guerra ficou doente, sem poder comandar o encontro. O seminário será remarcado para a segunda quinzena de janeiro.

Bebeto promete colocar América-RJ na briga pelo título estadual

da Lancepress
Novo técnico do América-RJ, Bebeto foi apresentado neste domingo. O ex-atacante da seleção brasileira chegou confiante, disse estar preparado e afirmou que seu time irá brigar pelo título estadual no próximo ano.

"Me preparei para isso. Conversei com treinadores como Parreira, Zagallo e Mano Menezes e cada um me disse uma coisa. Estou preparado para colocar o América em seu devido lugar. É preciso muito trabalho. Vamos buscar o título do Estadual do Rio de 2010", disse Bebeto, que agradeceu o convite feito por Romário para assumir o clube.

"Cheguei muito contente com o convite do Romário. Podem ter certeza que estou motivadíssimo e amanhã [segunda-feira] já estarei la trabalhando."

Empresário diz que Love quer deixar o Palmeiras; clube diz que não libera

da Folha Online
da Lancepress

O empresário do atacante Vagner Love, Evandro Ferreira, declarou neste domingo que o jogador não quer permanecer no Palmeiras para a próxima temporada. Contratado em agosto, o atacante tem contrato com a equipe paulista até o fim do mês de julho de 2010.

"A vontade do Vagner hoje é de sair do Palmeiras. Ele está preocupado com a segurança da família depois da agressão que sofreu e tem medo que possa acontecer algo", disse Evandro Ferreira referindo-se à agressão que o jogador sofreu no estacionamento de um banco em São Paulo no começo do mês, antes da última rodada do Campeonato Brasileiro.

Apesar da vontade de Vagner Love deixar o Palmeiras, o empresário do jogador afirmou que ainda não recebeu proposta de outro clube. O Flamengo já cogitou contratar o jogador.

"Vamos tentar resolver isso com o Palmeiras amanhã [segunda-feira]. Não temos nada acertado com ninguém. Não podemos definir nada sem a liberação do Palmeiras, com quem ele tem contrato, e um acordo com o CSKA (RUS), que é o dono do jogador. Ninguém chegou até mim e fez proposta", declarou Ferreira.

Já o vice-presidente de futebol do Palmeiras, Gilberto Cipullo, afirmou que o jogador permanecerá no clube para a próxima temporada. "Foi um sacrifício trazê-lo e vamos mantê-lo. Tenho certeza de que o Vagner ainda dará alegrias para a torcida do Palmeiras", afirmou o dirigente.

"Não podemos tomar a decisão por causa de um fato que envolveu três torcedores. O Vagner está nos nossos planos", acrescentou Cipullo referindo-se à agressão sofrida pelo atacante.

O empresário Evandro Ferreira afirmou que Vagner Love não vê problemas em continuar no Palmeiras caso a diretoria do clube se comprometa a garantir a sua segurança e a de sua família.

Vagner Love foi contratado como o grande reforço do Palmeiras para o segundo turno do Campeonato Brasileiro. No entanto, o jogador não rendeu o esperado e foi chamado de baladeiro pelos torcedores. Ele marcou apenas cinco gols pelo clube na competição.

Marta faz 3, e seleção feminina é campeã de torneio no Pacaembu



A seleção brasileira feminina de futebol goleou o México por 5 a 2, neste domingo, no estádio do Pacaembu, e conquistou o título do Torneio Internacional Cidade de São Paulo.

Os gols da equipe brasileira foram marcados por Marta (3), Aline e Alina (contra), enquanto Dinora e Nayeli descontaram para as mexicanas.

A seleção brasileira encerrou a competição com quatro vitórias. Na fase de classificação, o Brasil já havia vencido o Chile por 3 a 1, o México por 3 a 2 e a China por 3 a 0.

Logo após o jogo, as atacantes Marta e Cristiane viajam para a Suíça, onde será divulgado nesta segunda-feira os vencedores do prêmio de melhor jogador do mundo concedido pela Fifa.

As brasileiras disputam a premiação com a inglesa Kelly Smith e as alemãs Inka Grings e Brigit Prinz, com quem Marta trava disputa particular. As duas ganharam o prêmio três vezes cada uma.

Serra e seus múltiplos adversários

Eliane Cantanhêde
Pelo Datafolha, Serra chega ao fim do ano com sólidos 37%, mas Dilma sobe bem e vai para 23%. A rejeição é equivalente, de 19% e 21%, e a eleição esquenta. Na espontânea, quando o pesquisado pode chutar o nome que bem entender para presidente, Lula é o grande vencedor, com 20%, deixando os dois reais candidatos empatados em 8%. Excluída a chance de citar Lula, o resultado é significativo. Serra tem 8%, concorrendo com dois adversários: Dilma, com 10%, e o 'candidato do Lula', com 8%. Faça a conta de somar. Agora, subtraia: muitos acham que Serra é o candidato do Lula, mas um dia vão parar de achar. Logo, a oposição tem um candidato forte, mas o governo reúne condições bem favoráveis. Mais ainda considerando-se discurso, numeralha, a estrutura, a penca de partidos e, a depender do PMDB, cerca do dobro de tempo na TV.
A oposição, pois, tem de preservar e ampliar o seu principal capital: o candidato. Não dá para brincar, nem para se dividir e menos ainda para errar. O cenário é difícil.

Já o governo precisa equilibrar o apoio a Lula com o voto a sua candidata. Persiste uma enorme distância entre eles, mesmo Dilma tendo suplantado mais um obstáculo: Ciro Gomes. Em todos os cenários, ela está à frente dele, que tende a esfarelar caso entre em campanha sem Lula, sem força partidária, sem aliados e sem suporte.

Não há dados sobre a consequência da saída de cena de Aécio no quadro eleitoral, mas fica claro que os votos de Ciro, se ele trocar a eleição nacional pela paulista, vão se pulverizar. Serra, Dilma e Marina Silva lucram exatamente a mesma coisa: três pontos cada um. Ciro fica ou sai, e não muda nada.O governo não pode errar, e a oposição, além disso, precisa acertar. O próximo passo crucial é a definição dos vices, que andou para trás no caso de Dilma e está bloqueada para Serra enquanto Aécio não vem. Se é que virá.

Serra é o candidato mais forte à presidência do Brasil?

O governador de São Paulo, José Serra (PSDB), venceria a disputa presidencial em um eventual segundo turno com a ministra Dilma Rousseff (Casa Civil).Segundo pesquisa Datafolha divulgada neste domingo na Folha (íntegra disponível somente para assinantes do jornal ou do UOL), Serra tem 49% e Dilma 34% das intenções de voto.


No cenário em que Serra disputa com o deputado federal Ciro Gomes (PSB-CE), o tucano ganha com 51% contra 28%.

Na possibilidade de Dilma disputar o segundo turno com Ciro, a ministra venceria a disputa com 40% contra 35%.

*As informações são da Folha Online.

Serra é o candidato mais forte à presidência do Brasil? Comente.

Tomografia mostra piora na hemorragia de Fábio Barreto

"O estado de saúde de Fábio Barreto é estável, mas grave", anunciou hoje à tarde o neurocirurgião Paulo Niemeyer Filho, no Hospital Copa d' Or, no Rio de Janeiro. Barreto, que sofreu um acidente de carro na noite de ontem, foi submetido a uma tomografia, que constatou que a hemorragia está pior do que ontem. Na cirurgia feita logo após o acidente, os médicos drenaram um hematoma subdural agudo.


"O que mais nos preocupa agora é a contusão do lobo temporal dos dois lados. Não estamos preocupados com sequelas agora. A situação está muito grave. Estamos apreensivos porque o pior ainda pode acontecer", afirmou. Amanhã, os médicos vão repetir a tomografia. "As primeiras 48 horas nestes casos são fundamentais."

O guarda-vidas, Wagner Generoso, de 26 anos, testemunhou o acidente com o cineasta Fábio Barreto - diretor do filme "Lula, O Filho do Brasil" - em Botafogo, zona sul da capital fluminense. Ele foi uma das primeiras pessoas a chegar ao local da batida.

A testemunha contou que estava na janela do seu apartamento e viu o momento em que um carro fechou o veículo do cineasta. O carro bateu numa mureta, voou para outra pista e capotou. "Saía muita fumaça, vazou gasolina, fiquei com medo que o carro explodisse", contou.

Segundo ele, o acidente aconteceu por volta das 22h. "Achei que ele estava morto, mas depois percebi que ele respirava com dificuldade. Tentei falar com ele, disse que Jesus ia ajudar." A ambulância dos bombeiros chegou em cinco minutos.

Dora Pellegrino, ex-mulher e mãe de um dos quatro filhos do cineasta, chegou à tarde ao hospital, em Copacabana, onde Fábio Barreto está sendo submetido a exames neurológicos. Dora estava muito nervosa. Ela foi casada com o cineasta durante 13 anos. Os dois têm uma filha, Mariana, hoje com 20 anos. Barreto tem mais outros três filhos.
 
Fonte: Agência Estado

Marina lança sua candidatura pelo PV e critica Dilma

FERNANDO BARROS DE MELLO
da Folha de S.Paulo

Em convenção realizada ontem em São Paulo, o PV (Partido Verde) lançou politicamente a candidatura à Presidência da senadora Marina Silva (AC). Ela criticou a postura do governo Lula na reunião do clima, em Copenhague, e a escolha da ministra, Dilma Rousseff, como chefe da delegação.

A definição oficial de qualquer candidatura só poderá ser feita no próximo ano. "A decisão política já existe, o processo legal e formal será feito no ano que vem", disse Marina.

O encontro do partido também serviu para referendar a entrada de aliados da senadora na direção da sigla. "Há uma decisão de ter candidatura própria e eu me sinto honrada de ser apontada pelo PV."

Marina, que participou da reunião do clima em Copenhague, criticou em vários momentos a postura do Brasil no encontro, em especial as declarações de Dilma sobre a proposta de que o país contribuísse com US$ 1 bilhão para um fundo de combate à mudança climática. A ministra da Casa Civil declarou que o valor "não faz nem cosquinha".

Questionada pelos jornalistas, Marina disse que a escolha de Dilma como chefe da delegação brasileira foi "legítima", mas completou: "Agora, o processo negocial não poderia ficar submetido a uma lógica política da conjuntura do nosso país, porque o que estava em jogo era muito maior".
Para a senadora e pré-candidata do PV, os ministros Celso Amorim (Relações Exteriores) e Carlos Minc (Meio Ambiente) "eram aqueles que poderiam entrar no mérito da negociação para que a gente pudesse de fato fazer a diferença".

Cineasta Fábio Barreto sofre acidente e tem traumatismo craniano

Seu estado é grave, informou o hospital Copa D´Or onde o cineastas faz exames
Do G1, no Rio

O cineasta Fábio Barreto, de 52 anos, sofreu um acidente de carro e está internado no Hospital Copa D´Or, na Zona Sul do Rio. Segundo a assessoria de imprensa do hospital, o acidente foi no sábado (19) e ele teve traumatismo craniano.

Segundo o Corpo de Bombeiros, ele estava num Pajero Mitsubishi que capotou por volta de 22h50 na Rua Real Grandeza, em Botafogo, perto do acesso ao Túnel Velho. Os bombeiros do quartel do Humaitá foram acionados. Não se sabe se havia outras pessoas no carro, mas de acordo com os bombeiros somente o cineasta foi atendido.

Inicialmente, ele foi levado para o Hospital Miguel Couto, no Leblon, onde foi operado pelo neurocirugião Paulo Niemeyer.

Barreto foi transferido na manhã deste domingo (20) para o Copa D´Or, e passa por exames. Ainda segundo a assessoria, seu estado é grave, e ele será internado na UTI neurológica do hospital.

Fábio, que é filho do cineasta Luiz Carlos Barreto e irmão do também cineasta Bruno Barreto, dirigiu o filme "Lula, o filho do Brasil". Com um orçamento de R$ 12 milhões, o longa estreia no Brasil no dia 1º de janeiro. Baseado no livro homônimo de Denise Paraná, o filme reconta a infância pobre de Lula, recria a relação com a mãe e retrata o sindicalista que mobilizava multidões. O filme estreia em janeiro e deve ocupar entre 400 e 500 salas de cinema.

Barreto também dirigiu ‘Índia’, “O quatrilho”, que chegou a ser indicado ao Oscar de melhor filme estrangeiro, e “A paixão de Jacobina”.

Crescem exigências de aliados para apoiar Dilma

Da Agência Estado
Com a nova arrumação no ninho tucano, aliados do governo Lula já começam a fazer "exigências" para apoiar a virtual candidatura da ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, ao Palácio do Planalto, em 2010. Depois de dirigentes do PMDB se dizerem ofendidos com declarações do presidente Luiz Inácio Lula da Silva - que sugeriu ao partido a apresentação de uma lista tríplice para Dilma escolher o vice de sua chapa -, agora é a vez do PP de querer um dote para aceitar o casamento.
"Aprecio a Dilma e acho que ela é uma mulher de valor, mas não faremos acordo federal sem São Paulo", afirmou o deputado Paulo Maluf (PP-SP), que não foi ao jantar da ministra com a bancada do PP, há 53 dias, em Brasília. "A definição do nosso apoio tem de passar por uma conversa sobre o maior colégio eleitoral do País."

Presidente do PP paulista, Maluf gostaria que o PT avalizasse a candidatura do deputado Celso Russomanno (SP) à sucessão do governador José Serra (PSDB). Na prática, sabe que essa hipótese é impossível, mas quer o compromisso de que o PT não hostilizará Russomanno.

"Temos de deixar definido já como ficam as coisas e se vão nos apoiar lá na frente, pois temos um candidato que tem votos e discurso", insistiu Maluf. "Quem o PT tem em São Paulo?", perguntou Russomanno, que também não bateu ponto no jantar de outubro, no qual Dilma caprichou nos elogios ao PP.

Para arrepio de petistas mais radicais, a ministra chegou a dizer, naquele jantar, que não sabe distinguir entre as "realizações" do PP e do PT no governo Lula, tamanha a "afinidade" entre os dois partidos, ex-rivais históricos. "É possível ter acordo com o PP em São Paulo", disse o presidente do PT, deputado Ricardo Berzoini (SP), informado sobre a imposição de Maluf. "Se o candidato deles apoiar a Dilma, podemos firmar acordo para estarmos juntos no segundo turno." As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Por que Serra não tem pressa

Enquanto puder, José Serra esticará a oficialização da candidatura ao máximo. Pelas razões já expostas - não quer antecipar o confronto com Lula, quer completar o período regulamentar de governo até o prazo de desincompatibilização etc -, mas também por um motivo de caráter prático.

Serra argumenta que até a convenção oficial do partido não há nada de objetivo que um candidato possa fazer. A campanha é proibida pela legislação eleitoral e o eleitorado ainda não está devidamente engajado na disputa.

As articulações políticas não contam, porque essas já estão sendo feitas há muito tempo e ocorrem longe dos olhos do público Em 2006, quando deixou a prefeitura em abril para ser candidato ao governo do Estado, Serra operou o estômago e passou um mês de molho sem que isso tivesse qualquer efeito sobre a campanha. (Coluna de Dora Kramer)

O raio-x dos estádios do interior

Por Diogo Menezes e Marcos Leandro, do Jornal do Commercio

Aos poucos, os estádios de Pernambuco que serão palco dos jogos do Campeonato Estadual estão se estruturando para a rodada de estreia, marcada para 13 de janeiro de 2010. A reportagem do Jornal do Commercio visitou os estádios da Região Metropolitana do Recife e do interior do Estado para verificar como estão as arenas esportivas.

O que requer mais cuidados é o Luiz Lacerda, em Caruaru, no Agreste, que sediará jogos do Central e do Porto. A grama praticamente não existe. Os problemas começaram a ser corrigidos após a eleição do oposicionista João Batista Tavares, empresário do ramo têxtil, na última terça-feira.

Com problemas no gramado, Lacerdão pode ser vetado pela FPF

“Logo após ser eleito, ele começou a trabalhar para colocar tudo em ordem. Vinte e cinco homens estão trabalhando dia e noite para deixar o campo com o mínimo de condições de sediar os jogos das duas equipes”, explicou José Joaquim Pinto de Azevedo, diretor técnico da Federação Pernambucana de Futebol (FPF).
Por sediar jogos de Central e Porto, o Luiz Lacerda será sobrecarregado. No primeiro turno, apenas na sétima e na 11ª rodada, o estádio não sediará partidas porque as duas equipes jogarão fora de Caruaru. “Voltarei para ver como andam as obras dia 29 de dezembro. Se houver melhora, o campo será liberado. Caso contrário, as partidas de Central e Porto acontecerão em Belo Jardim”, completou José Joaquim.

OTÁVIO LIMEIRA ALVES
O estádio Otávio Limeira Alves, casa do Ypiranga, em Santa Cruz do Capibaribe, deve apresentar um nível melhor em 2010. Por conta de um evento de motocross que aconteceu em agosto, o piso recebeu 100 caminhões de areia, o que causou a elevação do terreno em cerca de 20 centímetros. Após a corrida, a grama do estádio foi trocada. A Máquina de Costura vem fazendo os trabalhos com bola em Taquaritinga do Norte e em Brejo da Madre de Deus, a fim de preservar o gramado de seu estádio.
GIGANTE DO AGRESTE
A exemplo do Ypiranga, o Sete de Setembro também está preservando o gramado do Gigante do Agreste e os treinamentos estão acontecendo no quase abandonado Gerson Emery, da rival AGA. Um dos pisos mais duros do interior, o campo do Sete, visto de longe, parece mais cuidado, mas de perto ainda tem muitos pontos irregulares. O clube está se esforçando para melhorar a situação, contratando, inclusive, os serviços de um agrônomo.
CARNEIRÃO
Sede dos jogos do Vitória e do Vera Cruz, o Carneirão também passa por reformas, que vão desde uma nova pintura nas dependências do estádio até a colocação de cerâmica nos banheiros. Mas o gramado continua sendo a pior dor de cabeça. Deve, entretanto, estar em ordem para a rodada inaugural, dia 13 de janeiro.
GILENO DE CARLI
Para receber os jogos da Cabense no Estadual de 2010, o estádio Gileno de Carli, no Cabo de Santo Agostinho, Grande
Recife, passou por melhorias no gramado e na infraestrutura. O muro foi aumentado e as entradas das torcidas foram alargadas para diminuir o risco de confusão em situações de emergência.
CHAPADÃO DO ARARIPE
O Chapadão do Araripe, onde o debutante Araripina mandará seus jogos, é detentor de um dos melhores gramados de Pernambuco. O detalhe é que o estádio ainda não possui iluminação – durante a 2ª Divisão do Pernambucano, o clube não jogou à noite. As seis torres de iluminação chegaram na última quarta-feira, 16 de dezembro. Tudo deve estar instalado
até 30 de dezembro.
CORNÉLIO DE BARROS
No estádio Cornélio de Barros, casa do Salgueiro, o gramado melhorou, mas está longe do ideal. Na tarde da última segunda-feira, 14 de dezembro, por exemplo, uma chuva forte de 20 minutos deixou o campo bastante encharcado, com lamas em determinados pontos. Vale lembrar que, em 2008, uma chuva torrencial suspendeu a partida entre Salgueiro e Náutico, complementada posteriormente e vencida pelo time sertanejo por 1x0. “O campo melhorou, mas não tem drenagem. Temos que torcer para não chover”, finalizou José Joaquim.

De que tanto medo tem José Serra?


Do que José Serra mais tem medo? Da transformação das eleições presidenciais em plebiscito entre os governos Fernando Henrique e Lula. Com a saída de Aécio Neves da disputa , ressurge a tentativa, por parte do governo, do PT e aliados. Não querem, os detentores do poder, um confronto entre Serra e Dilma Rousseff, muito menos voltado para programas de governo. Preferem resumir tudo num cabo de guerra onde, numa ponta, ficaria o presidente Lula, com suas realizações e números de sucesso. Na outra, os oito anos do sociólogo, que já vão longe.

Posta a sucessão nesses termos, mesmo sem a certeza da transferência de votos, a tendência óbvia do eleitorado seria ficar com Dilma, quer dizer, com Lula.
O objetivo do governador de São Paulo é desligar-se da imagem de Fernando Henrique, mesmo sem ofender o seu ego, até por razões ligadas à memória nacional. Não parece fácil, dada a prevalência dos paulistas no ninho dos tucanos. Aécio Neves, se fosse candidato, disporia de muito melhores condições para travar a tertúlia com a chefe da Casa Civil com os olhos voltados para o futuro.

Serra não pretende antecipar o debate, mas, quando começar a campanha, fará tudo para levar a chefe da Casa Civil a apresentar um elenco não de realizações efetuadas pelo Lula, mas de seus planos para o mandato, se vencedora. Nada de obras do PAC, em andamento ou paralisadas. A eleição exigiria um embate entre promessas e concepções a ser implantadas a partir de 2011.

Resta saber se Lula e Dilma estarão dispostos a abrir mão de seu carro chefe, as realizações do governo, desde 2003. Pelo jeito, não.(Carlos Chagas)

sábado, 19 de dezembro de 2009

Serra lidera com 37% e Dilma se consolida em segundo com 23%, diz Datafolha


da Folha Online

Pesquisa Datafolha mostra que o governador de São Paulo, José Serra (PSDB), lidera a corrida pela sucessão presidencial de 2010 e que a ministra Dilma Rousseff (Casa Civil) se consolidou no segundo lugar, informa reportagem publicada na Folha deste domingo.

Serra está em primeiro com 37% das intenções de voto. Dilma está com 23%, seguida do deputado Ciro Gomes (PSB-CE), com 13%, e da senadora Marina Silva (PV-AC), com 8%. Os votos branco ou nulo somam 9% e os indecisos, 10%.

No cenário sem o nome de Ciro, Serra vai a 40% e Dilma, 26%. Marina Silva atingiria 11%.

O Datafolha ouviu 11.429 pessoas em todo o país entre os dias 14 a 18 deste mês. A margem de erro é de dois pontos percentuais.

Na última pesquisa do Datafolha realizada em agosto, Serra liderava com 36%, Dilma tinha 17%, Ciro estava com 14% e Marina com 3%. Na ocasião, a pesquisa mostrava a ex-senadora Heloisa Helena (PSOL-AL) com 12%, mas ela desistiu de concorrer à Presidência para disputar o Senado.

Apenas mais uma de amor - Lulu Santos

Final de semana chegou... Vamos relaxar um pouco..

Basta de Violência Contra as Mulheres

Fonte: blog da CDL
Equipe da cordenadoria da mulher

Este foi o tema da campanha nacional abraçado pela Secretaria da Mulher em Pernambuco e pela Coordenadoria da Mulher em Santa Cruz do Capibaribe em parceria com a CDL local

A CDL de Santa Cruz do Capibaribe mais uma vez mostra sua preocupação com a causa em favor das mulheres que sofrem e se torna parceria de mais campanha de Responsabilidade Social.

Desde o dia 20 de novembro houve várias manifestações aqui na cidade dentre elas pode-se citar: panfletagem, assinatura da ordem de serviço para a construção do Centro de Referência da Mulher, palestra na Câmara de Vereadores sobre o tema da campanha para conscientizar e alertar as mulheres do município.
Time que representou a CDL

Para encerrar a programação aconteceu em 06/12, na quadra de esportes do bairro Cruz Alta o 1º Campeonato de futsal “Homens unidos pelo fim da violência contra a mulher”, no qual participaram do evento oito equipes, sendo seis masculinas e duas femininas. “A campanha de 2009 esteve focada em viabilizar benefícios específicos para as mulheres de Santa Cruz do Capibaribe, este termo assinado que nos dá o direito de em aproximadamente 90 dias receber o centro de referência pronto é um marco histórico para nós mulheres”, ressalta Verônica Valadares – coordenadora do projeto no município.

De acordo com Isac Filho presidente da CDL – Jovem local é de suma importância que parcerias como esta (CDL X Coordenadoria da Mulher) aconteçam, pois a sociedade como um todo e principalmente os homens devem lutar contra a violência da mulher. A entrada do evento era um brinquedo que será doado às crianças carentes do município.

Violência contra a Mulher é Crime – Denuncie:

(0**81)3759-3000 – Coordenadoria da Mulher em S.C.C.
(0**81)3224.1514 – Ouvidoria da Mulher
(0**81)3421.595 – Atendimento da Campanha
ou Disque 180

Clube promove prática da poligamia na Indonésia

KARISHMA VASWANI
da BBC, em Jacarta

Um clube que promove a prática da poligamia vem causando polêmica na Indonésia desde que foi criado, no início do ano.

A associação Global Ikhlwan, com sede em um subúrbio arborizado a algumas horas de distância
de Jacarta, teria sido fundada na Malásia.

 Segundo seus diretores, o clube possui mais de mil sócios distribuídos por vários países, entre eles, Austrália e Estados Unidos.
 As leis da Indonésia --país de maioria muçulmana-- permitem que os homens se casem com mais de uma mulher, mas apenas sob certas condições: por exemplo, o marido precisa pedir a autorização da primeira esposa.

Como resultado das restrições, a poligamia é menos comum no país do que em outras nações islâmicas.

O novo clube, no entanto, preocupa setores da sociedade que temem um aumento na prática.


Proposta
Segundo seus membros, o objetivo do clube é promover as virtudes da poligamia, assim como oferecer apoio aos que estão enfrentando dificuldades para lidar com suas escolhas.

 A diretora da organização, Gina Puspita, admite que ela própria achou difícil quando o marido, Rizdam, se casou com a segunda esposa.

"Foi difícil para mim no começo, mas sabia que era por causa das minhas emoções, dos meus desejos", ela disse. "Mas a poligamia é um forma de todos nós encontrarmos felicidade e amor nesse mundo".

"Há muitas vantagens para as mulheres em casamentos polígamos", acrescentou Puspita.
"Aprendemos a controlar nossos desejos e ciúmes e isto nos leva para mais perto de Alá".

O marido de Puspita, Rizdam, disse que o sistema funciona para sua família.

"Acho que a poligamia é melhor do que a monogamia".

"Há tantas vantagens! Para os homens, ela ensina liderança. É difícil lidar com uma esposa em um casamento, mas quatro? É muito mais difícil e é uma boa prática educativa".

Controle Rigoroso
Muitos, como a militante Nursyahbani Katjasungkana, se opõem à proposta do clube.

Ela cita o Alcorão, livro sagrado dos muçulmanos, para questionar a ideia de que a poligamia seria uma prática aceitável, ou mesmo desejável, do islamismo.

"Acredito que foi uma orientação para os muçulmanos naquele período, de que todas as vítimas da guerra, viúvas e crianças que perderam um marido ou um pai, deveriam ser protegidas. Esta foi a mensagem das escrituras --não foi um comando para que os homens tivessem uma segunda, terceira ou quarta esposa", argumenta a militante.

As leis que regem o casamento na Indonésia são baseadas na monogamia. A poligamia é tolerada, mas sob controles rigorosos.

Antes de se casar com mais de uma esposa, o marido precisa, primeiro, pedir a permissão da primeira esposa.

Se ela não estiver de acordo, o homem tem de provar que ela é infértil, doente terminal, ou que não está desempenhando suas funções de esposa. No final do processo, o marido tem ainda de conseguir a permissão de um conselheiro religioso.

Embora não haja estatísticas oficiais sobre o número de casamentos polígamos no país -- muitos casamentos não são registrados-- muitos temem que organizações como o clube da poligamia possam levar mais homens a adotar a prática.

Grupos feministas estão pedindo às autoridades que fechem o clube.

O governo indonésio, orgulhoso de sua reputação de tolerante nação islâmica, anunciou que vai monitorar as atividades da organização, mas não irá fechá-la.

A polêmica em torno da poligamia ilustra a luta do país para alcançar o ideal de ser islâmico e moderno ao mesmo tempo.

Guerra acha ''extremamente difícil'' uma chapa só de tucanos


O presidente nacional do PSDB, senador Sérgio Guerra (PE), disse ontem no Recife que acha 'extremamente difícil' a construção de uma chapa puro-sangue encabeçada pelos governadores José Serra (SP) e Aécio Neves (MG) para a disputa da Presidência em 2010. 'Prefiro não trabalhar com essa hipótese', afirmou o líder tucano, sugerindo que Aécio deverá mesmo buscar uma vaga no Senado. Para Guerra, o DEM é o 'aliado preferencial' para compor a chapa presidencial, apesar do envolvimento de integrantes do partido nas denúncias de corrupção no Distrito Federal.

'Não há nenhuma hipótese de o DEM não estar conosco nessa construção solidária', declarou o senador. 'Os nossos problemas afetam o DEM, assim como os do DEM afetam a nossa vida', disse. O DEM, que cogitava indicar o governador do DF, José Roberto Arruda (sem partido), para vice na chapa de Serra, avalia agora outros nomes, entre eles os dos senadores José Agripino Maia (RN) e Kátia Abreu (TO) e o do deputado federal José Carlos Aleluia (BA).

Para Guerra, não há motivo de pressa nas indicações. A decisão de Aécio, afirmou, em nada modificou a posição já tomada pelos tucanos. 'Diante desse fato novo, o que Serra vai fazer é governar São Paulo e ajudar o PSDB a vencer', declarou.A cúpula tucana avalia que não é hora de mudar estratégias. Mesmo sem anunciar que é candidato, Serra é lembrado como tal pelos eleitores e continua liderando as pesquisas de intenção de votos no país.(Informações da Folha de S.Paulo - Fábio Guibu)

Sete de Setembro aposta em angolano

Depois de passar por Portugal e Espanha, Chimi tenta a sorte no Sete
Do Jornal do Commercio
Não é o seu biotipo franzino – 64kg e 1,65m, igual ao de muitos outros jogadores de clubes do interior Brasil à fora – que chama atenção, mas sim as passadas rápidas nos trabalhos com bola. Mesmo para quem observa pela primeira vez o treino do Sete de Setembro, percebe logo que esse baixinho de 22 anos se sobressai. O angolano Chimi Simão Nguvulo, 22 anos, tenta a sorte no futebol brasileiro.

Sorte, aliás, não seria a palavra ideal. Persistência sim. Andarilho do futebol desde os 17 anos, já passou por times de Portugal e Espanha, Chimi, ou melhor “Jimmy”, como é chamado pelos seus companheiros de clube, caiu de paraquedas no Sete de Setembro.

Ele foi mais um jogador que caiu no conto de empresários, que prometeram encaixá-lo, primeiramente, em um clube de São Paulo. Mas isso não aconteceu. “Acabaram me trazendo para cá (Garanhuns), para jogar nos juniores do Sete. Mas, depois de um certo tempo, fui abandonado. Não conseguia mais falar com nenhuma das duas pessoas que me trouxeram para o Brasil (um agente angolano e outro brasileiro). Foram dias muito difíceis”, lembra Chimi.

Sem conhecer ninguém na Suíça Pernambucana, o angolano passou por muitas dificuldades até para se alimentar. Alguns torcedores e conselheiros do Sete chegavam a arrecadar R$ 10 ou R$ 20 por dia para ajudá-lo. A vida de Chimi começaria a ganhar uma perspectiva a partir da chegada do treinador Luís Antônio Zaluar. Ele promoveu uma peneira com 50 jogadores
da região e o angolano foi um dos dois selecionados.

“Vou agarrar essa oportunidade com as duas mãos. No Brasil, há muitas pessoas boas, mas também muita gente ruim”, enfatizou Chimi, que arrisca até um palpite para e estreia do Sete no Estadual, dia 13 de janeiro, contra o Santa Cruz, no Gigante do Agreste. “Vai ser 2x1 para o Sete.”

Para o técnico Luís Antônio Zaluar, Chimi tem surpreendido nos treinos e pode ser uma surpresa no campeonato. “O povo africano se parece muito com o brasileiro, pelo sofrimento. Chimi vem treinando bem e está brigando por posição no meio de campo”, afirmou Zaluar, que já trabalhou com muitos atletas africanos no Oriente Médio, onde trabalhou por muitos anos.

A direção do Sete corre agora para regularizar a situação do jogador, que ainda não tem visto de trabalho para jogar no Brasil. “Espero fazer um bom Campeonato Pernambucano e conseguir despertar o interesse de outro clube, quem sabe, de um dos três da capital, que já me falaram que são três equipes fortes”, disse Chimi.